Como publicar fotos de crianças de forma segura

 

child-20255_1280
Imagem: Pixabay

A popularização da Internet e de suas diversas ferramentas, como redes sociais e blogs, fez com que se tornasse muito fácil compartilhar fotos de nossos filhos, netos, sobrinhos, afilhados e afins, com parentes no mundo inteiro.

Até aí tudo bem, afinal quem não tem orgulho de ver suas crianças crescendo e se desenvolvendo? O problema é que quase sempre essas fotos também estão disponíveis para outras pessoas na rede e podem acabar caindo em mãos erradas, como pedófilos e outros tipos de criminosos.

Sei que é chato falar sobre esse tipo de coisa, mas é preciso ter muito cuidado com as fotos que postamos de nossas crianças. Todo dia vemos nos jornais casos de pessoas presas por molestarem crianças ou ‘satisfazer’ suas necessidades pessoais com fotos de crianças.

Como conheço bastante gente que compartilha fotos de crianças sem tomar cuidado com a sua privacidade, em especial com a privacidade da criança, divido aqui uma série de dicas que podem ajudar a compartilhar as fotos dos nossos pequenos de forma segura.

  1. Crie grupos secretos nas redes sociais (Facebook, Instagram, etc) e convide apenas pessoas que você conheça e confie de olhos fechados. Esse link mostra como criar um grupo secreto no Facebook. No caso do Instagram a dica é ativar a função de “aprovar seguidores”. Assim, suas fotos serão visualizadas apenas por pessoas conhecidas e previamente autorizadas.
  2. Publique seu blog de família de forma restrita (apenas usuários cadastrados podem acessar) ou, no mínimo, selecione a opção para que ele não seja encontrado pelos mecanismos de busca. No WordPress, por exemplo, essa função está disponível em Settings ou Configurações.
  3. Evite fotos que identifiquem o local onde a criança mora, estuda ou frequente sempre. Nunca marque o local das fotos publicadas. Para isso desative a função de localização das postagens. Esse link mostra como fazer isso.
  4. Nunca, mas nunca mesmo, publique fotos de crianças usando uniforme da escola. Isso evita o mesmo problema acima de que pessoas mal intencionadas saibam onde a criança estuda.
  5. E se publicar fotos de uniforme é muito ruim, pior ainda é publicar fotos da criança nua ou com roupa de banho (sunga, biquinis, maiôs, etc). Isso é prato cheio para o pedófilos de plantão. Eu não quero nem imaginar o que esse tipo de gente faz com essas fotos.
  6. E vale a regra de ouro: ‘faça aos outros aquilo que você gostaria que fizessem a você’. Ou seja, não poste fotos de crianças cujos pais não o autorizaram a fazer. Fotos de seu filho na escola já é um erro, com outras crianças que não são da sua família é pior ainda.
  7. Uma dica bacana do site Bolsa de Mulher é que “antes da publicação de fotos do seu filho, amigos e parentes devem pedir sua autorização. Sempre que isso acontecer sem seu consentimento, analise a situação e, se achar conveniente, peça para que a publicação seja removida pela segurança da sua família”.

Faça um exercício agora: entre nos seus perfis nas redes sociais e veja se suas fotos publicadas refletem esses cuidados. Caso não reflitam, apague agora mesmo suas fotos e depois volte a postar tomando todos os cuidados necessários.

Não se limite às dicas publicadas aqui. Busque mais informações sobre o assunto. Quando se trata da segurança dos nossos pequenos, todo cuidado é pouco. Listo a seguir outros sites que também se preocuparam com isso e publicaram dicas bacanas: Bolsa de Mulher, Disney Babble, Guia Infantil e Boa Vontade.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s